Dia 110, Receita 84, 85 e 86 - Ano 2007

Começo a semana já pensando como será o final de semana. Penso nas saídas noturnas e mais ainda nos momentos de descanso. Este por exemplo foi bem especial, meu pai veio para cá e pude aproveitar um pouco mais dos momentos em família.


Ontem a noite antes de sair, passei numa festa junina da empresa da minha mãe. Já disse aqui no blog como eu adoro festa junina, mas nesta tive algumas sensações diferentes. Tinha todas as comidas típicas que podiam existir, mas o que me tocou mesmo foi pensar quanto estas festas significaram para mim, vou explicar melhor. No interior existem muito disso, no colégio ou mesmo naquelas quermesses de igrejas estas festas nestas épocas eram e ainda são por lá o diferencial na cidade, tinha algo novo para se fazer e poder aproveitar com todos. O que tanto me fez pensar é o quanto minha vida mudou e o que agora eu espero tantas outras coisas mais importantes e que me fazem e fizeram amadurecer absurdamente mais. Momento reflexão, eu sei, mas realmente isso mexeu comigo e acho que para sempre esta época me fará pensar no que já passei e nas experiências que quero ter daqui pra frente.

Bom, hoje meu dia na cozinha foi super produtível, preparei três receitas: Pernil Incrustado, Petit Gâteau com Chocolate Branco e Pudim de Maria-Mole com calda de ameixas.

Comecei pelo pernil, na noite anterior bati no liquidificador os ingredientes para temperar, que foram: dentes de alhos, cebola, pimenta dedo-de-moça, salsinha, cebolinha, suco de limões e sal. Nesta hora fiz pequenas perfurações na peça do pernil e acrescentei dentes de alho neles. Passei o molho por cima dele todo e levei para a geladeira por uma noite. Hoje de manhã pedi para que meu pai na hora que acordasse era para colocar o pernil no forno, e isso levou 3 horas. Assim que acordei tirei o papel alumínio que estava coberto e deixei pegar uma cor nos minutos. Servi com arroz e maionese de legumes.

Petit Gâteau eu já tinha feito algumas vezes, até as forminhas eu já tinha aqui em casa. Numa panela em banho Maria coloquei os ovos, as gemas, e o açúcar, então com a ajuda de uma espátula fui mexendo para não engrossar muito. Quando já estava bem quente e uniforme retirei do fogo e acrescentei o chocolate meio amargo derretido e então o resto dos ingredientes da massa que são, a farinha de trigo peneirada, essência de baunilha e uma pitada de sal. Mexi bem com um fouet e deixei descansar por 10 minutos. Nesta hora derreti o chocolate branco para então rechear os bolinhos. Com as forminhas untadas coloquei até a metade a massa e com um saco de confeiteiro com o chocolate branco dentro injetei algumas pequenas porções dentro da massa do Petit. Levei ao forno bem quente por 12 minutos contados certinho no relógio – se tem uma coisa que eu aprendi foi que petit gâteau não pode passar do ponto no forno, se não perde toda a graça. Assim que retirei do forno, desenformei e pronto, o que faltou foi o sorvete para acompanhar.

Esta receita do Pudim de Maria-Mole além de ter o nome da minha avó – que não é mole e sim Maria - eu aprendi a fazer com ela. Minha avó é uma viciada em preparar pudins e manjar, não sei se é porque ela gosta ou se só sabe fazer estas duas receitas mesmo.
No liquidificador bati o pó da maria-mole dissolvido em água fervente até ficar com uma espuma. Nesta hora acrescentei o leite condensado, o creme de leite, leite de coco e a gelatina incolor também dissolvida em água. Coloquei esta mistura numa forma com furo no meio untada com água gelada – como não tinha água na geladeira, deixei algumas pedras de gelo dentro da forma por alguns minutos. Levei a geladeira por 4 horas. Peguei o livro para ver como se fazia a calda de ameixas, me espantei ao saber que era só bater as ameixas com água no liquidificador, sem ao menos precisar ir ao fogo. Depois de pronto, foi só desenformar e derramar esta calda incrível por cima.


Resultado Final:




Otimo para domingos em família.






Petit Gâteau recheado fica bem melhor.






Esta receita terei que ensinar a minha avó.

7 comentários:

Alba disse...

Ei!! Que produção legal! Sua avó vai amar aprender a fazer... Manda um bj para Vó Maria! E lembra de colocar água na geladeira... Acho que você foi renovar as energias nas suas saudosas e queridas Festas Juninas... Continue assim! Tenha uma linda semana!

20 junho, 2010
Larii disse...

que lindo esse pernil, gá!!! nham nham, num pãozinho depois vai ficar uma delinha! Nem preciso comentar o petit, né! haha
vc só ilude minhas irmãs, tadinhas!

20 junho, 2010
larii disse...

ah, to com saudade!

20 junho, 2010
Ѽ Gяεg Cαstяø disse...

Uhulll!!Boas lembranças nos trazem positividade!

Três receita heinn!!A visita de familiares injetou ânimo.rsrrs

Que bomm!

Tudo com cara muito boa!!
Abraços Barão e ótima semana!
=D

21 junho, 2010
Anônimo disse...

Társsia - Já venho acompanhando teu blog a alguns semanas e sinceramente esse seu petit gateau me encorajou a tentar fazê-lo. Adoro mas sempre tive receio de fazer e não ficar bom!
Boa semana e continue perseverante no projeto.

21 junho, 2010
Monique Duarte disse...

Noooooooossa...babei nesse petit gateau! Vou fazer! ;D

21 junho, 2010
De Carlota a Carlinha disse...

Oi Gabi!

Esse manjar com ameixas tira qualquer um do sério! Parece estar de-li-ci-o-so!!!
Beijos

21 junho, 2010

Postar um comentário